filtros avançados

Busca simples


Busca Avançada

Consolidação do Mercado de Software ERP no Brasil

Postado por Marcelo Sinhorini, Diretor Executivo do Portal ERP em 26/03/2019 em Artigos

 

Você deve ter acompanhado recentemente a fusão entre duas empresas de software de gestão no Brasil, empresas protagonistas no setor.

Esta fusão abre espaço para uma discussão sobre se estamos no momento de uma onda de consolidação no mercado de software brasileiro, principalmente entre desenvolvedores de ERP.

Se você é um empresário deste setor, sugiro que leia o texto até o final, pois podemos ter uma oportunidade para você aqui.

Para entender um pouco mais, devemos fundamentar o que seria um cenário propício para a consolidação de um setor e trazer cases internacionais como forma de clarificar essa tendência.

Atrativo do setor de software de gestão para a consolidação

Um mercado com potencial para consolidação deve possuir atrativos para investidores, como descrevemos abaixo:

1. Mercado pulverizado: Um mercado onde exista um número grande de empresas, de pequeno e médio porte, como hoje é o mercado de software de gestão, propicia um cenário para a consolidação. 

Com dados de estudos do Portal ERP, existem hoje mais de 800 ERP's catalogados, empresas que desenvolvem um back-office para atender determinados nichos de mercado. Acreditamos que este número possa chegar a aproximadamente 4.000 empresas ampliando a abrangência para consultorias de implantação de ERP também.

2. Produto de missão crítica: Quando um setor desenvolve um produto/serviço de missão crítica, ou seja, algo que está no "coração" da operação do seu consumidor final [público-alvo] , neste caso estamos falando de sistemas de gestão, que são de missão crítica dentro de uma corporação, pois são nestes softwares que temos as atividades empresariais sendo executadas dia-a-dia.

3. Previsibilidade de receita: Investidores e empresários se dedicam a minimizar riscos e um modelo de negócio com previsibilidade de receita é extremamente atrativo.

Como é no setor de software de gestão, onde muitas empresas atuam com o modelo SaaS (Software as a Service), onde as empresas pagam por uma assinatura mensal para a utilização dos sistemas ERP, e isto gera um faturamento previsível, o que é muito atrativo para atração de capital de terceiros.

4. Ganhos de escala: Todo setor com potencial para consolidação deve ter ganho de escala, onde a equação para alavacangem de negócios não segue proporcionalmente o investimento feito, por exemplo, para se atender mil clientes, o capital a ser investido é "x", e uma fração de "x" para se atender a dois mil clientes, e não "2x" como em muitos outros modelos empresariais, isto é propiciado por conta da capacidade de alavancagem deste modelo de negócio.

Este ganho de escala é algo extremamente atrativo quando identificado em oportunidades de fusão de empresas, onde existem ainda ganhos de escala nas operações de suporte e administrativas. 

 Case Constellation: um exemplo internacional de consolidação do mercado de software

Um case internacional que exemplifica como se daria a consolidação do mercado de software de gestão ERP, é o caso da empresa canadense Constellation.

A Constellation foi fundada em 1995 com a estratégia de montar um portfólio de empresas de software de mercado vertical, conhecido como VMS (Vertical Market Software), que têm o potencial de serem líderes em seu mercado específico. 

Desde então, a Constellation cresce através de uma combinação de aquisições e crescimento orgânico e estabelecem uma forte "constelação"(por esse motivo o nome da holding é Constellation) de empresas com uma base de clientes ampla e diversificada, composta por mais de 125.000 clientes que operam em mais de 100 países em todo o mundo. 

Com sede em Toronto, no Canadá, e escritórios na América do Norte, Europa, Austrália, América do Sul e África, possui mais de 13.000 funcionários e gera uma receita consolidada superior a USD 2,1 bilhões.

 Conclusão

Com uma perspectiva econômica favoravél, atratividade real fundamentada num cenário propício para investimentos e entendendo um modelo de consolidação de sucesso no exterior. A discussão se estamos num momento de consolidação do setor de software brasileiro está aquecida e com clara tendência a acontecer de fato, a dúvida será quem liderará esta nova onda de fusões e aquisições do mercado de ERP no Brasil.

Este texto foi redigido a pedido de uma Venture Capital brasileira que busca implementar um modelo semelhante aqui no país, se você é proprietário de uma empresa de software ERP e quer entender se a sua empresa pode participar deste projeto clique aqui.

Forte abraço, 

Marcelo Sinhorini -  Diretor Executivo do Portal ERP

 

 

 

 

 

Postado por Marcelo Sinhorini, Diretor Executivo do Portal ERP em 26/03/2019 em Artigos