Busca

filtros avançados

Wevo fatura R$ 7 milhões em 2018

A Wevo anunciou seus resultados do ano de 2018, onde, com crescimento na sua base de receita recorrente, obteve um faturamento de mais de R$ 7 milhões e espera um aumento de 50% em 2019, ultrapassando os R$ 10 milhões. 

Companhia estima alta de 50% no faturamento de 2019, ultrapassando os R$ 10 milhões.

Meta é alcançar R$ 35 milhões até 2022.

A Wevo anunciou seus resultados do ano de 2018, onde, com crescimento na sua base de receita recorrente, obteve um faturamento de mais de R$ 7 milhões e espera um aumento de 50% em 2019, ultrapassando os R$ 10 milhões.

Segundo a companhia, a estratégia é continuar crescendo em um ritmo acelerado e chegar a R$ 35 milhões em 2022. A expansão também vai afetar o quadro de funcionários, que deve passar de 50 colaboradores para 75 em 2019.

Outra ação, pertencente a estratégia de crescimento da provedora, é a ampliação da quantidade de conectores prontos com sistemas de mercado que a empresa vai disponibilizar em sua Integration Store. Com isso, visa simplificar ainda mais o processo de integração de sistemas ERP, CRM, plataformas de e-commerce, Marketplaces, PDV, Chat, BI, entre outros, permitindo que as integrações possam ser feitas pelas consultorias e agências parceiras, e até mesmo pelo time de TI dos clientes.

"Hoje, há dezenas de fornecedores para as tradicionais aplicações ERP, CRM e plataformas de e-commerce, e o surgimento de novos tipos de aplicações que não existiam antes, como é o caso dos chatbots. Este cenário propicia a pluralidade de sistemas que uma empresa utiliza para gerenciar sua operação e processos, somado a isso vemos um crescimento acelerado na geração de dados e, consequentemente, a interdependência dessas aplicações. A nossa tecnologia é totalmente aderente à necessidade que o mercado tem na atualidade, pois, permitimos que estes diferentes sistemas se comuniquem automaticamente com fluidez", comenta Diogo Lupinari, CEO da Wevo.

O crescimento fez a Wevo mudar de sede em São Caetano do Sul, na região metropolitana de São Paulo. O novo local possui 650 m² e conta com um ambiente de startup, com mesa de sinuca, ping-pong, puffs, videogames, balanço, sala de descompressão e decoração moderna no tom azul, de acordo com a linha de atuação e característica da marca.

"Decidimos criar um espaço diferente para atrair talentos, provocar a criatividade dos nossos colaboradores, prover conforto e, claro, a integração das pessoas e dos diferentes times dentro da empresa, permitindo e entendendo que a discussão para um novo recurso da nossa plataforma pode surgir também em um momento mais descontraído, por exemplo", conclui Lupinari.

Fonte: Redação

Faça como mais de 54 mil profissionais e assine a nossa newsletter!