Encontre aqui seu Software

Busca simples


Busca Avançada

ROI dos ERPs, como garantir?

Postado por Alan Lopes, CEO da CRM Services em 21/05/2019 em Artigos

Um dos benefícios mais almejados pelas empresas, com a contratação de qualquer solução, dado ao alto nível de investimento, é o retorno financeiro (ROI).

Contar com um ERP, completo e integrado é sem dúvidas o pilar de inúmeros benefícios na gestão de uma empresa, como

redução de custos, aumento de competitividade, maior segurança dos dados, agilidade na comunicação, melhoria na satisfação dos colaboradores, aumento de produtividade, redução de falha humana nas operações, otimização de processos, agilidade na tomada de decisão, entre outros. 

No entanto, um dos benefícios mais almejados pelas empresas, com a contratação de qualquer solução, dado ao alto nível de investimento, é o retorno financeiro (ROI).

Assim como em qualquer outro investimento, as organizações desejam receber o valor investido de volta, e no menor prazo de retorno, ou seja, ao optar por uma melhoria, as empresas esperam que ela dê certo e retorne o valor gasto, com lucro para o empreendimento. Com a implantação de soluções de gestão não é diferente. 

Como principal característica, as aplicações de gestão devem proporcionar uma alta otimização dos processos. Mas para garantir esse resultado, que deveria ser natural, o sistema deve ser, além de bem implantado, periodicamente diagnosticado, evitando falhas que, se rapidamente corrigidas, não comprometam o andamento das atividades. 

Quando o ERP não entrega o máximo de sua capacidade, possivelmente não dará o ROI esperado. 

Como, então, garantir que sua solução entregue ROI e não traga prejuízos para sua empresa? A forma mais eficiente de garantir o retorno do seu investimento é, justamente, realizando o diagnóstico e revitalização do software. Atualmente, muitas consultorias já trabalham com esse modelo de serviço e disponibilizam uma equipe especializada para fazer análises de usabilidade do sistema após sua implantação, adequando, também, todas as ferramentas do ERP às necessidades do negócio. 

Com apoio do diagnóstico, é possível identificar lacunas e inconsistências tantos nos ERPs, quanto em plataformas vocacionadas de gestão, além de criar estratégias, verificar a necessidade de treinamento para os usuários dos softwares, identificar desvios de funcionalidades e, por fim, avaliar os riscos do negócio. 

Quando uma consultoria é contratada para aumentar a performance de uso do software através de atualizações ou até revitalização do sistema, crescem as chances de atingir o ROI, elevando a competitividade da empresa, gerando alta produtividade e lucros exponenciais.

Postado por Alan Lopes, CEO da CRM Services em 21/05/2019 em Artigos