Encontre aqui seu Software

Busca simples


Busca Avançada

Processos automatizados trazem clareza à contabilidade

Postado por Guilherme Pellegrini, Diretor de Operações da Questor em 30/05/2022 em Artigos

A contabilidade, em termos gerais, representa um dos setores que mais tem lidado com a implementação de soluções inovadoras. Não por acaso, afinal, trata-se de uma área acostumada a introduzir mudanças em prol de um fluxo de trabalho mais eficiente, capaz de suportar demandas complexas, e que atuam muito com legislações e obrigações.

Dentro desse contexto de transição constante surge o fenômeno de transformação digital, abrindo um leque de possibilidades operacionais a serem absorvidas por empresas de todos os tamanhos e segmentos. Embora seja um tema discutido com frequência entre lideranças corporativas, ainda é comum encontrar dúvidas sobre como o componente tecnológico se relaciona com os profissionais no dia a dia dos processos.

Para a área contábil, existem circunstâncias que devem pautar uma abordagem estratégica sobre ferramentas digitais, de modo que as mesmas estimulem o protagonismo humano por meio da automatização. O fato é que a inovação reformula frentes importantes dentro de um departamento de contabilidade.

Desde a comunicação com órgãos governamentais, geração e troca de dados através da robotização, passando pela folha de pagamento, fiscal e contábil, à relação com os clientes, as contribuições são numerosas e justificam um investimento conciso em plataformas consolidadas. Para tanto, é preciso entender o real impacto por trás dessa influência.

Automatização para superar métodos tradicionais

Com a figura do profissional no centro das prioridades, a utilização de um sistema contábil completo tem todas as condições necessárias para transformar a gestão da organização de contabilidade. Por muito tempo, alguns problemas foram corriqueiros para o setor, a exemplo do excesso de burocracia, a falta de segurança nos dados armazenados e movimentados, planejamentos fragilizados e pouco aderentes quanto à realidade apresentada, além de outras situações que, atualmente, são contornáveis.

Ao automatizar tarefas cotidianas, o gestor deixa a cargo da tecnologia atividades repetitivas e padronizadas, liberando a equipe para etapas mais estratégicas, que os valorizem enquanto profissionais do segmento. O resultado, na prática, é um ambiente de alto desempenho processual, somado à expertise das pessoas em benefício de decisões assertivas e conscientes.

Um estímulo que o escritório ganha ao transformar as suas rotinas em automáticas, é a simplificação através de robotização. Isso possibilita criar independência em relação ao seu cliente, permitindo que seus colaboradores possam se destacar em um atendimento e resolver problemas que realmente causam impacto ao dia a dia do empreendedor atendido pela contabilidade.

Segurança, eficiência e agilidade: o futuro contábil está nessa tríade

Controle é palavra-chave para a contabilidade digital. Atribuir mais estabilidade à parte organizacional, passando por tudo que envolve o financeiro, patrimônio e tributos, é o primeiro passo para construir um novo patamar de produtividade. Aqui, os colaboradores poderão interagir com os documentos de forma personalizada e intuitiva, dentro de um workflow muito mais dinâmico e otimizado.

No que diz respeito à conformidade, um tópico sensível que não pode ser ignorado, as vantagens também são significativas. Pilares de transparência, consentimento e privacidade encontram na tecnologia uma aliada de valor indiscutível, especialmente pelo uso de ferramentas confiáveis.

Vale destacar que, com elas, os times poderão executar suas ações em um espaço de novas funcionalidades técnicas, contando com a importação e conciliação do extrato bancário de qualquer instituição financeira, bem como a impressão de todas as demonstrações contábeis e o gerador de lançamentos. Mirando a convergência com o SPED Contábil e atento aos Planos Referenciais exigidos pela Receita Federal Brasileira (RFB), o líder terá um controle maior sobre o dia a dia contábil da empresa, seguindo um formato simplificado de captar e transmitir dados.

Sendo assim, para escritórios e departamentos contábeis, fica a recomendação de se visualizar a automatização de acordo com sua devida amplitude. Não basta inserir a presença tecnológica e esperar que ela dissolva todos os obstáculos da noite para o dia. É de suma importância inserir as equipes nessa equação, trazendo ganhos a nível cultural. Por fim, seguindo à risca essa linha de raciocínio, será possível converter a inovação em grandes aprimoramentos para a área contábil.

Foto: Guilherme Pellegrini, Diretor de Operações da Questor

Postado por Guilherme Pellegrini, Diretor de Operações da Questor em 30/05/2022 em Artigos

Para tornar sua experiência mais agradável usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o Portal ERP. Acesse nosso 'Termos de Uso e Política de Privacidade' para saber mais. Ao clicar em 'Aceitar', você consente com a otimização do site pelo uso de cookies.