Encontre aqui seu Software

Busca simples


Busca Avançada

Oracle lança serviço em nuvem para inovação científica

Postado por Redação em 16/12/2021 em Notícias Tech

Oracle for Research é uma nova comunidade global que acelera pesquisas e visa conectar e premiar pesquisadores e cientistas

Oracle for Research, a comunidade global da Oracle que usa computação em nuvem para acelerar descobertas científicas, anunciou novos recursos em sua plataforma para que pesquisadores, cientistas e desenvolvedores resolvam temas e estudos mais complexos. 

O Oracle Open Data é um serviço de nuvem recém-criado para selecionar e agrupar informações (imagens espaciais, sequências de proteínas e anotações) dos principais bancos de dados científicos do mundo. A coleção conecta a comunidade científica, bem como pesquisadores, desenvolvedores, alunos e educadores com dados em petabytes de recursos. Além disso, a Oracle for Research também lança dois prêmios destacando novos caminhos para o avanço da ciência e apoio a comunidades de pesquisa globais no ecossistema Oracle Cloud .

"Através de nossos programas, produtos e serviços focados na nuvem recém-lançados, estamos concretizando nossa visão de acelerar a descoberta e os resultados e ajudar a mudar o mundo através de uma comunidade integrada de pesquisadores trabalhando em colaboração com a Oracle e a Oracle Cloud", disse Alison Derbenwick Miller, vice-presidente da Oracle for Research. 

O Oracle Open Data une dados que abrangem a genômica e bioinformática; dados geoespaciais, geociência e climatologia; Inteligência Artificial (IA) e também Machine Learning (ML). 

"Muitos pesquisadores na comunidade de computação interativa como eu estão procurando serviços que removam as cargas associadas à hospedagem de dados e que também incentivem as comunidades a manterem esses valiosos recursos disponíveis", disse o Dr. Hyeokhyen Kwon, Ph.D. da Georgia Tech. graduado e colaborador do Oracle for Research. 

Atualmente, a Oracle é o único provedor de nuvem a oferecer acesso ao novo conjunto de dados ZINC 22, que permite a triagem virtual de milhões de moléculas disponíveis comercialmente, cada uma com compostos estruturais 3D.

"Plataformas como o Oracle Open Data podem ajudar muito nisso, pois além de ser um benefício adicional que é ter esses tipos de plataformas de dados abertos, eles permitem que os pesquisadores obtenham exposição a problemas de pesquisa em outras disciplinas também. Este tipo de colaboração interdisciplinar pode trazer novas oportunidades de pesquisa", afirmou Kwon.

Todos os conjuntos de dados no Oracle Open Data estão localizados próximos aos recursos de computação - incluindo os poderosos High Performance Computing (HPC) da Oracle e recursos da unidade de processamento gráfico (GPU) - reduzindo o custo e o tempo para movê-los e usá-los. A ferramenta fornece metadados importantes e código de amostra para cada conjunto de dados, o que simplifica as complexidades técnicas e facilita o uso dos pesquisadores.

O Oracle Open Data está sendo oferecido em uma versão inicial de disponibilidade limitada, portanto os pesquisadores são incentivados a se inscrever em para terem o acesso antecipado, fornecendo seu nome e e-mail. Aqueles que usam o serviço gratuito podem ajudar fornecendo informações importantes para o produto e influenciar no aumento dos dados.

Também foram anunciadas as novas premiações do Oracle for Research que permitem que os projetos globais resolvam os problemas mais complexos do mundo por meio da computação em nuvem e de uma comunidade de pesquisa aberta.

Foto: Reprodução

Postado por Redação em 16/12/2021 em Notícias Tech

Para tornar sua experiência mais agradável usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o Portal ERP. Acesse nosso 'Termos de Uso e Política de Privacidade' para saber mais. Ao clicar em 'Aceitar', você consente com a otimização do site pelo uso de cookies.