Encontre aqui seu Software

Busca simples


Busca Avançada

Mercado Livre potencializa transformação digital em nuvem da AWS

Postado por Redação em 25/11/2020 em Mercado

Empresa recorreu à AWS para aprimorar escalabilidade, responder às tendências dos consumidores e revolucionar o e-commerce e pagamentos

Empresa recorreu à AWS para aprimorar escalabilidade, responder às tendências dos consumidores e revolucionar o e-commerce e pagamentos

A AWS, anunciou que o Mercado Livre, que conta com sedes na Argentina e no Brasil, elegeu a companhia como principal provedor de nuvem, para transformar a empresa em uma organização mais baseada em dados, com a finalidade de aprimorar a experiência dos usuários, acelerar o lançamento de novos serviços e apoiar sua expansão regional. 

O Mercado Livre é o maior provedor de comércio e pagamentos online da América Latina e conecta negócios em 18 países com mais de 76 milhões de usuários ativos. 

O Mercado Livre escolheu a AWS para apoiar o desenvolvimento de uma plataforma comum para obter insights de mais de 20 anos de dados coletados de suas divisões de marketplace, pagamentos digitais, logística, publicidade e serviços de software. 

Como parte da transformação em uma organização baseada em dados, a líder na América Latina está construindo o MeliLake, um data lake dentro do Amazon Simple Storage Service (Amazon S3), para ingerir dados de vendas, pagamentos, cumprimentos e transações de envio e disponibilizá-los para análise por equipes de toda a empresa. 

O MeliLake utiliza o Amazon EMR (serviço de big data em nuvem da AWS para processar grandes quantidades de dados usando ferramentas de código aberto), para facilitar o processamento e análise de mais de 25 terabytes de dados de transações todos os dias. 

A empresa também aproveita ferramentas da AWS Partners Tableau e MicroS para marcar, pesquisar, compartilhar, transformar e analisar automaticamente esses dados.

O Mercado Livre e seus funcionários agora podem descobrir e consultar conjuntos de dados e descobrir padrões de compra de clientes ou tipos de pagamentos, ajudando a melhorar a eficiência operacional e impulsionar o desenvolvimento de novas experiências com o cliente.

O Mercado Livre também vai aplicar serviços de machine learning da AWS para aumentar a segurança em suas divisões. A equipe de detecção de fraudes do Mercado Pago, plataforma responsável por pagamentos dentro do Mercado Livre, utiliza o Amazon Rekognition (serviço de análise de vídeo e imagem da AWS), como parte de seu processo de verificação de identidade para consumidores que desejam comprar através do Mercado Livre, ajudando a minimizar qualquer tipo de fraude.

"Os funcionários do Mercado Livre usam dados em suas tarefas diárias para tomar melhores decisões de negócio e ficar à frente das tendências de compra. Estamos ansiosos para expandir nosso uso de serviços de machine learning e analytics da AWS em toda a empresa para desenvolver insights mais profundos que sustentarão a posição do Mercado Livre como motor de crescimento para a América Latina.”, afirmou Sebastian Barrios, vice-presidente de tecnologia do Mercado Livre. 

Para adaptar seu conteúdo a uma região multicultural, onde a maioria dos clientes fala português ou espanhol, o Mercado Livre também faz uso do Amazon Translate (serviço de machine learning da AWS para tradução altamente precisa de idiomas), para traduzir automaticamente títulos e descrições de produtos quando fornecedores de outros países carregam seus catálogos.

De modo geral, o Mercado Livre conta com uma infraestrutura, que inclui serviços de computação, armazenamento, banco de dados, analytics e machine learning para períodos movimentados de compras, como feriados (quando processa mais de 2,2 milhões de transações por segundo no pico) e eventos inesperados, como a pandemia da COVID-19, quando mais pessoas optaram pelo e-commerce e por pagamentos digitais. 

A empresa usa o Amazon Elastic Compute Cloud (Amazon EC2), para processar uma média de 464 visitas e 19 compras por segundo. Também utiliza o Amazon DynamoDB (base de dados de valor-chave da AWS), com criptografia incorporada e recuperação de dados, para apoiar transações seguras de compra e pagamento para seus clientes, bem como gerenciar o faturamento, o envio e a logística.

"A AWS não só alimenta as vastas operações de back-end do Mercado Livre para seu marketplace, como também fornece os serviços para permitir que o Mercado Livre obtenha insights preditivos sobre as tendências dos negócios e inove novos serviços para conectar mais perfeitamente sua crescente comunidade de compradores e vendedores.", concluiu Jaime Valles, diretor de vendas na AWS América Latina. 

 

Postado por Redação em 25/11/2020 em Mercado