Encontre aqui seu Software

Busca simples


Busca Avançada

Má gestão de dados pode custar US$ 20 milhões por ano

Postado por Redação em 07/06/2019 em Notícias Tech

Segundo estudo realizado pela Veeam até 2025 geraremos mais de 175 Zettabytes de dados por ano

 Ratmir Timashev é cofundador e Vice-Presidente Executivo (EVP) de Vendas e Marketing da Veeam.

O estudo divulgado nessa quinta-feira, apontou que 73% das organizações admitem não atender às demandas dos usuários por acesso ininterrupto a dados e serviços. Esse posicionamento pode custar para as empresas um prejuízo de US$ 20 milhões por ano

O Relatório “Gerenciamento de Dados na Nuvem da Veeam de 2019 “, contou com a participação de mais de 1.500 líderes de negócios e de TI, em 13 países. O resultado apontou que os entrevistados estão cientes da importância da gestão de dados para o sucesso de suas organizações, resultando em mais produtividade e capacidade de impulsionar a transformação dos negócios no futuro. Entre os países pesquisados estão Austrália, Brasil, China, França, Alemanha, Itália, Japão, México, Holanda, Rússia, Oriente Médio, Reino Unido e EUA.

Apesar do valor, a pesquisa também informou que as organizações estão começando a adotar uma posição preventiva e acionar estratégias para combater esse cenário. Cerca de 72% das empresas informaram que já começaram os projetos de implementação de tecnologias de Gerenciamento de Dados na Nuvem, para explorar os recursos da nuvem híbrida e conseguir agregar mais valor aos seus dados.

“Estamos vivendo em uma era orientada por dados e as organizações precisam acordar e agir para protegê-los. As empresas devem gerenciá-los de forma que eles sempre estejam disponíveis e possam aproveitar o seu valor para impulsionar o desempenho das instituições. Isso não é mais um luxo, mas uma necessidade comercial.”, declarou Ratmir Timashev, cofundador e Vice-Presidente Executivo (EVP) de Vendas e Marketing da Veeam.

Quer saber qual o cenário atual do mercado de ERP no Brasil? Faça o download da nossa pesquisa 2017/2018 e confira!

As organizações estão adotando tecnologias como nuvem híbrida, Big Data, Inteligência Artificial (AI) e Internet das Coisas (IoT) com o objetivo de impulsionar o sucesso dos seus negócios, e devem investir em cada uma delas US$ 41 milhões em média neste ano. Quando questionados sobre o valor da proteção de dados para a empresa, metade dos entrevistados respondeu que esse é um tema fundamental para alavancar os investimentos. No entanto, apenas 37% das empresas admitem ter confiança em suas soluções atuais de backup. 73% dos entrevistados declararam que esse recurso não é capaz de atender às demandas dos usuários.

As vantagens da Proteção de dados para sua empresa

Há grandes benefícios a serem obtidos com a implantação de iniciativas digitais, já que as organizações atribuem um ganho adicional de US$ 124 milhões em suas receitas, em média, devido à essa adoção. Algumas das maiores economias do mundo precisarão recuperar o atraso quando se trata de investir em inovação digital. 41% das empresas japonesas e 48% das brasileiras descreveram seu gerenciamento de dados como maduro, comparado a pouco mais de um quarto na França e na Alemanha, e apenas 11% no Reino Unido.

Nos próximos 12 meses, as organizações japonesas e brasileiras pretendem investir, em média, US$ 105 milhões e US$ 73 milhões, respectivamente, em Gestão Inteligente de Dados, investimento médio esperado maior que no Reino Unido (US$ 14 milhões), China (US$17 milhões) e Estados Unidos (US$ 38 milhões). Para concluir o estudo, a companhia informou que o tempo de agir é agora. Começa com uma forte base digital, que garanta que os dados sejam armazenados em backup e estejam sempre disponíveis. Desse modo, as organizações poderão implantar novas iniciativas digitais, ganhando vantagem competitiva e aproveitando todo potencial que a Gestão de Dados na Nuvem pode oferecer.

Foto:  Ratmir Timashev (Cofundador e Vice-Presidente Executivo , Veeam)

 

 

 

Postado por Redação em 07/06/2019 em Notícias Tech