Encontre aqui seu Software

Busca simples


Busca Avançada

John Deere anuncia participação no mercado de softwares agrícolas

Postado por Redação em 15/09/2022 em Notícias

A John Deere pretende obter 10% da sua receita anual da marca com as taxas de licenciamento de softwares até 2030

A John Deere, fabricante de equipamentos agrícolas, anuncia participação no mercado de softwares agrícolas. A empresa está investido bilhões para criar máquinas inteligentes (como tratores autônomos lançados neste ano) e otimizar o trabalho no campo, para tornar agricultura mais rápida e eficiente.

A John Deere pretende obter 10% da sua receita anual da marca com as taxas de licenciamento de softwares até 2030. Com sede em Moline, Illinois, a companhia faturou US$ 44 bilhões com vendas em 2021. Ela abastece cerca de 60% dos tratores de alta potência usados ??nos Estados Unidos e no Canadá. 

Segundo o Wall Street Journal, há quase 20 anos, a empresa direciona os agricultores para um salto maior na tecnologia, que começou com um sistema de piloto automático em tratores e colheitadeiras. Atualmente, esse é um recurso-padrão em quase todas as grandes máquinas agrícolas da marca. “Trata-se de fazer mais com menos”, disse John May, executivo-chefe da John Deere.

A companhia pretende conectar 1,5 milhão de máquinas em uma nuvem de dados até 2026. Os serviços oferecidos devem cobrir cerca de 200 milhões de hectares armazenando informações de diversas culturas, incluindo milhões de imagens de ervas daninhas que podem ser alvo de herbicidas. De acordo com as projeções, 10% da receita anual da marca virá de taxas pelo uso de softwares até o fim da década.

Contudo, alguns produtores ainda não confiam completamente na mudança. Walter Schweitzer, presidente do Sindicato dos Agricultores de Montana, se disse preocupado com o fato de que vincular ainda mais os equipamentos agrícolas ao software gerenciado pela Deere poderia dar à empresa maior influência sobre as operações nas lavouras. “Você está perdendo o controle dos dados e a propriedade das ferramentas”, disse.

Segundo dados de analistas divulgados pelo WSJ, a margem de lucro para software na área de agricultura é de 85%, frente a 25% de hardware. A empresa acaba de comprar por US$ 250 milhões a Bear Flag Robotics, uma startup americana que permite transformar tratores em veículos autônomos. 

Já Taylor Nelson, agricultor de Nebrasca, usa o sistema de orientação AutoTrac da John Deere em uma fazenda de quase 5 mil hectares e conta que a aplicação feita com o auxílio dos softwares reduziu erros caros, como pulverizar um campo duas vezes com fertilizante. “Você pode usar essa tecnologia com trabalhadores menos experientes e ainda obter ótimos resultados”, finalizou Taylor.

Postado por Redação em 15/09/2022 em Notícias

Para tornar sua experiência mais agradável usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o Portal ERP. Acesse nosso 'Termos de Uso e Política de Privacidade' para saber mais. Ao clicar em 'Aceitar', você consente com a otimização do site pelo uso de cookies.