Encontre aqui seu Software

Busca simples


Busca Avançada

Backup Empresarial: 3 práticas essenciais para a segurança dos seus dados

Postado por Guilherme Oliveira, Gerente de TI e DPO da Procenge, e Juliana Nascimento, Assessora de Comunicação Institucional em 21/09/2021 em Artigos

Quem nunca perdeu um arquivo importante porque esqueceu de salvar que atire o primeiro mouse. Pois é! É nesses momentos que lembramos a importância de um backup bem-feito, assim como sua atualização e checagem ao longo do tempo.

As empresas têm um grande desafio pela frente. Segundo a Revista Exame, 40 trilhões de gigabytes de dados foram gerados no mundo em 2020. Neste contexto, enquanto algumas pessoas discutem como usar essas informações para tomar melhores decisões estratégicas (o que é muito importante), os profissionais de Tecnologia costumam pensar: “como vamos armazenar esses dados?” Felizmente, para isso, existe o backup e algumas estratégicas que nos auxiliam nessa missão.

A expressão “fazer um backup” significa ter uma cópia de segurança em dispositivos externos, na nuvem ou em servidores. Seu objetivo é recuperar dados e restaurar informações, caso haja perda dos arquivos originais, mas também garantir a segurança dos dados sensíveis e estratégicos das organizações.

Armazenar os dados de forma segura é a primeira “lei” de qualquer backup. Mais do que encontrar as informações de forma rápida e organizada, a segurança é um fator essencial para a proteção da empresa e, claro, dos seus clientes, colaboradores e parceiros. Aqui, storage e servidores em nuvem são fundamentais para o armazenamento seguro.

Além de armazenar, é necessário sistematizar o registro e verificação diária dos logs de backup. Eles são capazes de gravar data, hora e possíveis mensagens de erros e alertas. Os logs contribuem para que os dados permaneçam seguros e que os erros ou falhas sejam rapidamente identificadas e solucionadas.

Também é indicado que se faça um Teste de Restore, que nada mais é do que a confirmação de operacionalização do backup, garantindo a preservação das informações, mas também criando métricas importantes como o Objetivo de Tempo de Recuperação (RTO) e o Objetivo de Ponto de Recuperação (RPO).

Em tempos de Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), então, esse cuidado deve ser redobrado. Afinal, o backup pode ser uma fonte de vazamento caso não seja realizado de forma responsável e profissional. Importante alertar aqui também sobre os riscos de ataques cibernéticos, quando criminosos cobram quantias significativas para devolver o controle e o acesso aos dados, muitas vezes divulgando informações que ameaçam a existência do negócio. Nesse sentido, o backup bem realizado colabora não só com a continuidade do trabalho, como também com a saúde e a competitividade da empresa

Essas são algumas iniciativas importantes sobre backup empresarial que organizações de todos os portes devem adotar para a segurança dos seus dados. Além disso, a criação de políticas internas para o armazenamento de dados são essenciais para a padronização e segurança das informações.

Foto: Guilherme Oliveira, Gerente de TI e DPO da Procenge

Postado por Guilherme Oliveira, Gerente de TI e DPO da Procenge, e Juliana Nascimento, Assessora de Comunicação Institucional em 21/09/2021 em Artigos

Para tornar sua experiência mais agradável usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o Portal ERP. Acesse nosso 'Termos de Uso e Política de Privacidade' para saber mais. Ao clicar em 'Aceitar', você consente com a otimização do site pelo uso de cookies.