Encontre aqui seu Software

Busca simples


Busca Avançada

Indústria de alimentos investe em software para otimizar gestão fiscal

Postado por Redação em 13/04/2020 em Mercado

Solução fiscal da Engineering trouxe mais agilidade para a Nestlé

Solução fiscal da Engineering trouxe mais agilidade para a Nestlé

A indústria de alimentos, Nestlé detém um complexo cenário de apurações fiscais e tributárias devido à sua presença em quase 100% do território brasileiro.

Atualmente, a companhia gera um volume de cerca de 20 mil obrigatoriedades anuais relativas a mais de 20 milhões de notas ficais eletrônicas emitidas em 24 estados e 128 municípios onde opera, cada um com sua legislação, o que resulta em burocracia e muitos riscos.

Para ter ganho em performance e produtividade nas apurações fiscais, além de tomadas de decisões ágeis orientadas a dados, a companhia decidiu descontinuar seu software fiscal anterior e implementou o DP-Fisc, solução focada nas apurações fiscais e obrigações acessórias homologada e certificada pela SAP e que é fornecida pela Engineering.

O projeto de Tax Transformation da Nestlé compreende as obrigações federais, estaduais, municipais e regimes especiais do setor alimentício: ISS (Imposto sobre Serviços), IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) PIS, COFINS, ECD (Escrituração Contábil), ECF (Escrituração Contábil Fiscal), Siscoserv (Sistema Integrado de Comércio Exterior de Serviços, Intangíveis e Outras Operações que Produzam Variações no Patrimônio) e Transfer Price.

Participe da nossa Pesquisa de Panorama do Mercado de ERP 2020!

De acordo com a indústria de alimentos, a adoção do DP-Fisc eliminou um problema histórico da Nestlé, relacionado a duplicação das informações na base de dados do sistema de gestão empresarial, o SAP. “Isso nos tornava muito reativos, pois tínhamos que esperar o mês finalizar para fecharmos as apurações a fim de não corrermos o risco de duplicidade de informações.", explicou Fábio Donatelli, gerente de impostos indiretos da Nestlé.

Só no primeiro mês em produção, a companhia informou que o DP-Fisc realizou 80% das entregas acessórias mensais, que equivalem a cerca de mil obrigatoriedades.

A companhia também ressaltou os ganhos em performance e produtividade, como a redução no tempo de entrega do Sped Fiscal, passando de 7 horas para 12 minutos, uma economia de 3400%. Já o Sped Contribuições, que antes era gerado em oito horas, caiu para 17 minutos, o que equivale a 2724% de redução. Outra melhora apontada pela Nestlé, foi identificada no tempo de recebimento de notas fiscais, que agora são automatizadas por meio de um painel eletrônico, possibilitando, também, a detecção do número de erros, além da mensuração de documentos por localidades

A Engineering realizou customizações na solução com o intuito de criar as validações dos documentos fiscais com regras pré-definidas e automatizar ao máximo as rotinas de apuração de impostos.

 

Postado por Redação em 13/04/2020 em Mercado