ERP, a cereja do bolo do segmento food

Postado por em em Artigos
  • Tamanho da fonte: Maior Menor
  • Acessos: 2475
  • Increver-se para receber atualizações

 Artigo Food Portal ERP

Nos últimos anos tem-se notado um aumento significativo de restaurantes, lanchonetes e demais negócios do segmento food investindo em sistemas de gestão.

Esse cenário resulta do surgimento de inúmeras startups que nasceram à base da inconstância do mercado econômico brasileiro, mas já preocupadas com a evolução da gestão e a sustentabilidade do negócio.

Pesquisas mostram que a importância dada pelo segmento à adequação tecnológica, tem aquecido o mercado de softwares de gestão empresarial, que por sua vez, respondeu com inúmeras inovações para o setor. 

Hoje, quando vamos à um restaurante, é bastante comum nos depararmos com pedidos realizados de forma digital, seja através de um equipamento acoplado à própria mesa, aplicativo, ou mesmo garçons anotando e consultando cardápios através de equipamentos mobiles e enviando pedidos direto para a cozinha. Recebido o pedido, os pratos são preparados e o próprio sistema se encarrega de avisar o garçom que já pode realizar a entrega.

As empresas que fazem uso de ferramentas de gestão, que aceleram a coleta, tabulação e leitura de dados operacionais e de informações (sejam vendas, estoque, produtos em cardápio com mais saída, horas trabalhadas, etc) já usufruem de tecnologias que tornam mais segura a tomada de decisões estratégicas, especialmente quando o assunto é expansão e novos investimentos.

Outro ponto alto das soluções, é permitir a padronização dos processos, e até a otimização dos mesmos, baseado nas melhores práticas de mercado que os softwares carregam em seu desenvolvimento e constantes atualizações. Com processos “uniformizados”, simplificados e mais ágeis, torna-se mais fácil alcançar a eficiência transversal do negócio e obter uma visão holística do empreendimento.

Devido a característica do setor, de demandar decisões diárias por conta da velocidade das mudanças, diversificação das possibilidades dentre hábitos de consumo de seus clientes, e da base de informações incrementada diariamente com uma enxurrada de novos dados, ERPs e demais sistemas de gestão se mostram cada vez mais vitais, não só para garantir a competitividade do Food, mas até mesmo a sobrevivência do negócio.  

Avalie esta postagem:
5
  • Nenhum comentário encontrado

Deixar seu comentário

Postar comentário

0 Restrição de Caracter
Seu texto deve ter mais de 10 caracteres
Seus componente estão sujeitos a moderação do administrador.

Cadastre seu e-mail * e receba nossa newsletter

iX Tecnologia e Educação Ltda. Todos os direitos reservados. Powered by por Oibê.